Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

PDV News - Ponto de Venda com Ponto de Vista | 18 Oct, 2019

Scroll to top

Top

Bebidas Archives - Página 2 de 38 - PDV News

Trabalho de merchandising Chandon

7 de janeiro de 2013 |

Nome: Marcelino Luiz

Empresa: YES PROMO

Quantos anos trabalha com Merchandising: 5 ANOS

Ler Mais

Estrella Galicia será fabricada no Brasil

21 de dezembro de 2012 |

Após montar uma base em São Paulo no primeiro semestre, a fabricante da cerveja espanhola Estrella Galicia divulgou que o plano de expansão da empresa passa por uma fábrica no Brasil para produzir a bebida aos seis países sul-americanos que já a comercializam.

A informação foi divulgada pelo presidente da Hijos de Rivera, detentora da Estrella Galicia, Ignacio Rivera.

Ler Mais

Bela Ischia com dois sabores inéditos

20 de dezembro de 2012 |

A chegada da próxima estação será coroada com o lançamento de duas novas opções de sucos prontos nas gôndolas cariocas: o néctar de Maça e o exclusivo abacaxi com hortelã. A Bela Ischia escolheu os sabores inéditos de acordo com pesquisas de preferência do público. “Nosso estudo de mercado apontou a procura do consumidor por um sabor diferente. Escolhemos o abacaxi com hortelã por ser uma combinação rica em frescor, a cara do verão”, afirma Renata Tilli, diretora de marketing da empresa.

Ler Mais

DIAGEO COMPRA YPIOCA

28 de maio de 2012 |

O grupo britânico de bebidas Diageo, produtor do uísque Johnnie Walker e da vodca Smirnoff, anunciou nesta segunda-feira (28) um acordo para comprar a marca Ypióca de sua família controladora, além de parte dos ativos de produção e distribuição da cachaça, num negócio de cerca de 300 milhões de libras (cerca de R$ 900 milhões).

Com isso, o grupo britânico espera ter metade das suas vendas em mercados emergentes até 2015.
Assim como outros grupos internacionais de bebida, a Diageo tenta se fazer presente em países emergentes para compensar a demanda instável na Europa.  
Ypióca é líder no segmento premium de cachaça
A Ypióca é a terceira maior marca do mercado de cachaça e líder de um segmento de rápido crescimento dessa bebida, o premium. A cachaça responde por cerca de 80% da indústria brasileira de bebidas destiladas. 
Fundada em 1846 e com sede em Fortaleza, a Ypióca emprega cerca de 3.200 funcionários e tem cinco fábricas no país. 
Diageo aposta em mercados emergentes
“O Brasil é atrativo, um mercado de rápido crescimento para a Diageo, com demografia favorável e crescente renda disponível. A aquisição da Ypióca nos dá a marca premium líder na maior categoria local de bebidas destiladas”, disse o presidente-executivo da Diageo, Paul Walsh.
O grupo Diageo há muito tempo negocia com a dona da Jose Cuervo para ter uma parte da marca líder de tequila, avaliada em mais de US$ 3 bilhões. Algumas fontes dizem que as negociações esfriaram por causa de problemas relacionados ao controle da marca.
A companhia londrina recentemente investiu em negócios como a Mey Icki (Turquia) e ShuiJingfang (China) para aumentar as vendas nos países emergentes, que atualmente respondem por quase 40% do total da Diageo. 
Negócio
A Diageo disse que a aquisição da Ypióca deve ser neutra para o lucro no primeiro ano de controle e cobrir o custo de capital até o quinto ano após a aquisição, o que analistas dizem estar em linha com os negócios recentes. O grupo britânico não deu números exatos de lucro para a companhia brasileira. 
“Nós consideramos positivo esse tipo de negócio em países emergentes, dando a liderança em marca premium local e sinergia em distribuição a médio prazo para as bebidas destiladas internacionais da Diageo”, disse a analista do UBS, Melissa Earlam. 
Ela estima que a Diageo tenha pago 19 vezes o Ebitda (sigla em inglês para lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) pelo negócio e estima uma margem Ebtida de 25% nas vendas anuais de 60 milhões de libras.  
(Com informações da Reuters)

Sanjo lança seu primeiro espumante

25 de outubro de 2011 |





O lançamento do espumante Maestrale Brut Rosé marca a entrada da vinícola Sanjo ao segmento de Espumantes. 


Elaborada pelo tradicional método champenoise, uma técnica artesanal de fermentação na garrafa, que resulta em produtos de sabor autêntico. Elaborado a partir de um corte de três uvas – a branca Chardonnay e as tintas Merlot e Cabernet Sauvignon, o espumante revela toda a complexidade e sofisticação desenvolvidas ao longo dos 20 meses em que o vinho permaneceu nas caves em contato com as leveduras no interior da garrafa – cedendo assim, notas aromáticas ricas que deixam o paladar mais intenso e sofisticado.


Ideal para ser servido como aperitivo, acompanhando canapés, frutos do mar, peixes (salmão, congrio e linguado) e outros pratos de sabor leve e delicado.


O Maestrale Brut Rosé deve ser refrescado em balde de gelo a uma temperatura entre 6 e 8ºC e consumido preferencialmente em taças do tipo flute. Ao contrário do que se indica para os vinhos tradicionais, os espumantes que seguem na preferência dos brasileiros devem ser armazenados com as garrafas em pé, para que a rolha de cortiça utilizada para tampar a garrafa preserve ao máximo a pressão e a espuma do produto quando aberto. 


A Sanjo Cooperativa Agrícola de São Joaquim (SC) é uma das maiores produtoras de maçãs do Brasil. A partir de 2002, a empresa passou a investir também na produção de vinhos finos de altitude, utilizando-se dos mesmos processos de qualidade e tecnologia que integram os valores essenciais de sua fruticultura.

Ação da Carlsberg com “pegadinha” no cinema

26 de setembro de 2011 |


O casal compra dois ingressos de cinema e a pipoca; quando chegam à sala, encontram apenas dois lugares disponíveis, sendo que o restante das poltronas está ocupada por sujeitos mal-encarados.  

A maioria deu meia volta e foi para casa. Mas os que ficaram foram premiados. A cena aconteceu em Bruxelas, na Bélgica, e se repetiu com vários casais.